CONFRARIA GASTRONÓMICA DO BACALHAU - Apartado 85, 3834-909 ÍLHAVO - PORTUGAL

Início > Curiosidades > O Confrade Poeta
Pescador do Bacalhau

 

Um dóri, anzol e isco
Um corpo que já não dói
Não há coragem sem risco
Sem o saber é herói.

 

Camisa de best price viagra with prescription flanela,
Sueste, cheap viagra soft tabs capa oleada,
Uns remos e uma vela
Suor em face gelada.

 

Vai à luta, pede sorte,
Tem regressos no olhar,
Chega a brincar com a morte,
Só com Deus no alto mar.

 

Pescador do bacalhau,
Oh, carne viva salgada,
Dás comer a Portugal,
Ninguém te diz obrigada.

 

E o bacalhau fresco ou curado,
Muito ou pouco demolhado,
Mil maneiras p’ró fazer
De navio ou arrastão
À rede ou linha de mão,
Muito ele tem de sofrer.

 

José Cachim

 
2018 Confraria Gastronomica do bacalhau. Todos os direitos são reservados