CONFRARIA GASTRONÓMICA DO BACALHAU - Apartado 85, 3834-909 ÍLHAVO - PORTUGAL

Início > Curiosidades > Dicas
Como distinguir o verdadeiro bacalhau

 

O verdadeiro bacalhau (Gadus Morhua) é largo e permite o corte em lombos. O rabo do peixe deve ser quase recto ou ligeiramente curvo para dentro, com uma cor uniforme. A sua cor é "palha" e nunca excessivamente branco. Deve estar bem seco isto é, pegando o bacalhau firmemente pela "cabeça", ao soltar a cauda, deverá ficar quase recto, sem dobrar. A humidade fará com que ele se dobre "caindo" para baixo.


Truques
Pergunte sempre qual o tipo de bacalhau que está a ser vendido e a sua classificação.


Verifique se está bem escovado e bem curado. Deve apresentar-se limpo, sem manchas escuras e completamente seco.


Guarde o bacalhau seco dentro de um saco plástico com um limão, na parte menos fria do frigorífico, verá que não libertará odor.


Cubra o bacalhau com leite a ferver e deixe-o neste preparado durante alguns minutos, verá que consegue retirar o excesso de sal com a rapidez que precisa.


Não deixe nunca cozer o bacalhau com água a ferver.

 

 

Dose


Num prato onde o bacalhau seja o ingrediente principal, uma dose de 150g pode ser mais do que suficiente. Há que ter em conta que depois deverá ser colocado em água, o que fará aumentar o seu peso.

 
2018 Confraria Gastronomica do bacalhau. Todos os direitos são reservados